Reciclagem de PET cresceu no último ano, aponta pesquisa

eCycle

Segundo pesquisa, o setor têxtil é o principal destino do material

A reciclagem de garrafas PET é uma das que mais crescem no país nos últimos anos. No início de junho, a Associação Brasileira da Indústria do PET (ABIPET) divulgou o número de garrafas recicladas em 2011, o que confirma essa tendência.

294 mil toneladas de PET pós-consumo foram coletadas, o que representa 57,1% das embalagens descartadas pelos brasileiros. Em 2010, 282 mil toneladas foram recolhidas, o que representa um crescimento de 4,25% na reciclagem do material, segundo o 8º censo realizado pela ABIPET.

O índice registrado corresponde a mais que o dobro do crescimento registrado na produção de novas embalagens. Atualmente o faturamento da reciclagem de garrafas PET corresponde a 1,2 bilhão, ou seja, mais de um terço de todo faturamento da indústria de PET no Brasil.

Apesar da crise mundial, a coleta seletiva e o trabalho da indústria estão conseguindo fazer a atividade crescer e se expandir. Além disso, as cooperativas e recicladoras coletam e reprocessam o material para aplicá-lo no Brasil, ao contrário de algumas nações que exportam embalagens pós-consumo.

Destino

A maioria do PET reciclado no Brasil tem como destino a indústria têxtil. Esse mercado corresponde a cerca de 40% de todo PET reciclado, seguido pelos setores de embalagens e aplicações químicas, empatados em 2º lugar com 18% cada um.

409 recicladores foram entrevistados. 42% deles afirmaram que o mercado têxtil continuará sendo o principal destino das PETs recicladas. Outros 33% acreditam que a indústria de embalagens de alimentos é a mais promissora no ramo. Já 8% dos entrevistados apostam em aplicações inovadoras no setor automotivo.

Para saber onde reciclar suas garrafas PET, clique aqui.


Veja também:

 

Adicionar comentário


Código de segurança
Atualizar

Saiba onde descartar seus resíduos

Encontre postos de reciclagem e doação mais próximos de você

Localização Minha localização
Não sabe seu CEP?

Newsletter

Receba nosso conteúdo em seu e-mail